Chandni (1989)

21.8.11 Carol Batista 3 Comments

Chandniiii, o meri chandniiiii ♪ 

Eu e Yash Chopra não nos damos bem, tanto que só fomos felizes juntos em Veer-Zaara (2004). Gosto de dramas exagerados, mas os do Sr. Chopra raramente conseguem me convencer. Só que Chandni tinha uma razão tão maior que tudo: Sridevi. Todos falam dela: é Sridevi para lá, Sridevi para cá, ó como os filmes eram bons no tempo da Sridevi. Lembro até mesmo de ter lido em algum lugar que ela é a atriz favorita do Ranbir Kapoor. Pre-ci-sa-va conhecer esta mulher tão bonita e especial. O raciocínio foi o seguinte: "Um dos maiores sucessos dela é Chandni? Então ele pode ser uma boa escolha. Ei, Chandni é com o Rishi Kapoor? Este é o MEU filme! "



O filme tem muitas reviravoltas, então não sei bem o que seria “entregar” a história. A decisão de arriscar ficar com o leitor, certo? Rohit (Rishi Kapoor) apaixona-se por Chandni (Sridevi) ao vê-la dançando no casamento de uma amiga. Depois disto, começa aquela perseguição de sempre em que a moça infalivelmente termina apaixonada pelo rapaz (acho os rapazes que fazem isto insuportáveis). Ele a viu dançando, foi atrás dela e já disse que amava. Não entendi como tudo aquilo aconteceu tão rápido, mas...ei, é um Yash Chopra. Aceite. Depois de muito amor e canções graciosas, os dois estão lá, prontos para o casamento. O maior empecilho é a família do rapaz, que não simpatiza muito com a simples Chandni (aaah, que coisa mais linda e clássica!), mas isto não impede Rohit de lutar por seu amor. A história muda quando ele sofre um acidente de helicóptero e perde os movimentos de metade do corpo. Ele aceita o amor e os cuidados de Chandni no início, mas logo sente que se tornou um fardo para a moça e exige que ela vá embora (você realmente pensou que uma mocinha de Bollywood poderia estar cansada de sofrer, Rohit?). Sofrendo muito, ela se vai e tenta reconstruir sua vida ao arrumar um emprego no escritório de Lalit (Vinod Khanna), um moço mais ou menos amargo. Ele começa a se interessar por Chandni e...já está bom por aqui.

Como não se apaixonar?
Analisemos por tópicos, já que filmes do Yash são longos e me confundem.

  •  Sridevi: wah, wah, wah mil vezes! As expressões divertidas, a dança maravilhosa, o sorriso, aqueles olhinhos! Ela era bem o que eu esperava, o que me deixou aliviada. Se não fosse por ela, não sei como eu teria aguentado tanto drama. Quanta leveza, quanta doçura, quanta beleza...uma fofa. Apesar de ter gostado de sua interpretação, ela não foi arrebatadora. Acho que é bem difícil conseguir isto fazendo o papel básico da heroína linda e sofredora...afinal, o que há de novo para você acrescentar? A meta dela era fazer com que nos apaixonássemos pela Chandni. Deu certo comigo e também com o público indiano!

  • Rishi Kapoor: não curti muito esse Rohit, não. Pelo menos não o odiei, mas também não sentia muita simpatia por ele. Ele ficava dia e noite tirando fotos da Chandni, isto desde que se conheceram. Sei lá se isso parece romântico para alguém, mas para mim é meio chato. Ela não parecia gostar de início, e ele ter continuado a ser insuportável me fez lembrar de uma situação que aconteceu na escola da minha prima um dia desses. A profª de Sociologia estava fazendo uma discussão sobre um bilhão de coisas e um dos meninos disse que se um homossexual "der em cima" dele, ele não é obrigado a gostar ou aceitar só para não parecer homofóbico. Quando a professora o questionou sobre os meninos fazerem a mesma coisa com as meninas, ele respondeu "Ah, mas elas gostam". O Rohit interpretava a expressão de desaprovação da Chandni como um sim? Às vezes não é não, Yash ji. Também não gostei nem um pouco de ele expulsar a Chandni de sua vida, perceber depois de um tempo que precisava lutar e voltar como se nada tivesse acontecido. Achou o quê, que ela tinha ficado sentada encarando a sua foto durante meses? Mesmo com tudo isto, o personagem não é odiável. Talvez o Rishi Kapoor gordo e usando suéters me encante de algum modo...
É SÉRIO.
  • Vinodão: Amar, quer dizer que te jogaram na história para tentar tirar a Salma do Akbar? O Vinodão estava tão legal, tão triste, tão fechado! Lalit era triste daquele jeito por ter perdido a mulher que amava (ela morreu). Daí que a atriz que fez participação como a tal mulher era a Juhi Chawla, sorri muito porque adoro a sweet Juhi e os dois protagonizaram o clipe da minha música favorita do filme:Lagi Aaj Sawan Ki. Está na minha lista de "clipes de chuva favoritos" e foi o momento em que mais cheguei perto de chorar com o filme. Voltando ao Lalit, o final dado a ele foi injustíssimo e fez o filme valer menos a pena. Vinod Khanna merece ser feliz sempre, aprendam isto! Sobre o amor dele pela Chandni..foi meio rápido (aprenda que é filme do Yash, Carol!) e...tá, não prestei muita atenção. Só ficava pensando: "Uau, que estranho o Vinod velho. Ele tem uma cara tão séria! Que legal o Amar e o Akbar no mesmo filme, por que não chamaram o Amitabh para a minha piadinha Amar Akbar Anthony ficar completa? Poxa, ele está fazendo aquela cara de homem triste de novo. Não gosto disso, tadinho".

  • Surpresinhas: Anupam Kher cabeludo e fazendo o cunhado legal do Rohit, a já citada sweet Juhi sendo adorável na chuva e a diva deste blog fazendo papel de mãe do Lalit. Senhoras e senhores, a belíssima Waheeda Rehman queria Chandni como sua nora. Acho que eu aceitaria só pelo prazer de tê-la como sogra.

  • The Chandni Look: segundo a Wikipedia, os figurinos brancos da Sridevi ficaram conhecidos como "The Chandni Look", algo como "O Visual Chandni". Eram realmente lindos, mas...eram para reforçar a pureza da heroína? Desejo saber só por curiosidade, nem quero reclamar. Agora, apreciem um pouco do visual Chandni.
  • Curiosos suíços e indianos: passei o filme todo rindo dos curiosos que ficavam parados olhando as gravações. Há um clipe gravado na Suíça  em que Rishi e Vinod ficam andando pela rua enquanto cantam um para o outro, e a produção não tomou o cuidado de evitar curiosos. Resultado: dezenas de cenas com transeuntes com expressões de "?" ao ver aquele povo gravando na rua. Agora, poucas cenas me divertiram tanto nesta minha vida em Bollywood quanto a dos dois retornando à Índia. Deve haver, hum, umas 50 pessoas vendo a gravação através de um vidro. E eu não conseguia nem olhar para a cena!


  • Trilha: minha música favorita é a já citada Lagi Aaj Sawan Ki, mas a mais viciante é Chandni, O Meri Chandni. Reparem que eu disse viciante, não é necessariamente boa. O mais legal dela é que a Sridevi fica falando durante a música. Uma gracinha. Todos os clipes são bem legais e em um dia ocioso, sente-se para ficar vendo-os no Youtube. A trilha é de autoria da dupla Shiv-Hari, e as letras são de Anand Bakshi. Apesar de não lembrar de nada exato, sei que gostei das letras.

  •  Um sonho da Carol: dançar com Rishi Kapoor.
Não pude resistir.

    Chandni poderia ter uma duração menor e 50% menos drama, mas não é um filme ruim. Ele só é um filme muito específico...o espectador tem que estar querendo muito ver um romance, com tempo de sobra e paciência para muitos altos e baixos (e clichês, mas com eles não tenho problemas). Me pareceu mais um hino à beleza da Sridevi — à beleza mesmo, nem à personagem. A Chandni não faz muita coisa além de dançar e ser linda, e todos fazem tudo por ela (eu também faria). Não é o MEU filme, mas é um filme agradável de certo modo. Acredito que poderia ter sido melhor, mas...o que neste mundo não poderia, não?

    3 comentários:

    1. Que lindo! Nunca vi um filme coma Sridevi (ela não parece um pouco a Hema Malini) mas sinto que é uma falha pessoal minha...

      AMO quando nos filmes ninguém se lembra de isolar a zona das filmagens e aparecem pessoas com cara de '?'

      Carol, pf pf pf escreve sobre Veer-Zaara para eu ler.

      :)

      ResponderExcluir
    2. arey vah, your blog is so lovely, it makes me wish I could read Portuguese. I love to come and look at your pictures though - I especially enjoyed the celebration of Nutan.

      ResponderExcluir
    3. Barbs, agora estou olhando para a Sridevi e enxergando a Hema! :O

      Eu também me sentia assim por nunca ter visto um filme de alguém tão importante, por isto fui atrás de Chandni. Coloque Sridevi na sua vida!

      Veer-Zaara? Sério?

      Carla, I sometimes think about writing in English, but my ideas just don't flow when I'm out of my language...anyway, I'm so glad you're here and that you like my pics! About Nutan: her lovely face was already a celebration...I just registered that! *big fan here*

      ResponderExcluir

    E aí, o que tem a dizer? Deewaneie!

    Comentários ofensivos serão excluídos.